Faniquito Produções

ARTISTAS

CONHEÇA NOSSOS ARTISTAS

Elon

Elon, nome completo Elon da Silva Barbosa Damaceno, é natural da cidade de Pombal – Paraíba. Desde a infância, Elon demonstrava talento musical e poético, tendo feito sua primeira composição, intitulada “O Boi Vem Ali”, aos quatro anos de idade, quando declamou para o pai (Luizinho Barbosa, também cantor e compositor), que logo compôs a melodia. Em seguida, surgiu uma continuação, “Lá Vem O Boi”. As duas, tendo como ambiente e inspiração, o movimento cultural da cidade de Pombal e figuras folclóricas, como o Boi Bumbá. As músicas foram gravadas pela primeira vez no CD Primazia, de seu pai, no ano de 2006, quando o jovem contava com 12 anos.

Aos 17 anos (2012), o artista começou a se apresentar em festas e eventos na sua cidade com repertório de Música Brasileira, além de ter realizado seus primeiros shows com canções de sua autoria em cidades como Sousa-PB, Luís Gomes – RN e Juazeiro do Norte – CE.

Entre os meses de Outubro e Novembro de 2016, participou do programa DOM (Música) 2016, Festival realizado pela TV Itararé na cidade de Campina Grande – PB, no qual participou na categoria de Intérprete, alcançando a 3ª colocação no voto do Júri Oficial para Melhor Cantor e em 1º lugar no voto popular para Melhor Intérprete. O Dom (Música), que esteve na sua segunda edição revelou vários nomes da música paraibana que estão dando continuidade aos seus trabalhos.

Também participou do elenco do filme “Quando Decidi Ficar”, de Maycon Carvalho, gravado na cidade de Sousa, interior da Paraíba, em outubro de 2017, tendo também composto ascanções “Vida que segue (Do Carmo)” e “Fazendo um Fuá”, para a trilha sonora.

Em 2018, o cantor estreou o LUNAR, projeto autoral influenciado pela força da musicalidade de sua região, passeando por gêneros como forró, coco, brega, sertanejo, maracatu, maculelê, muito embora se conecte a ritmos do mundo, como reggae, pop, jazz, blues, experimental e elementos de música árabe. Com esse show, tem circulado pelas casas de João Pessoa – PB, acompanhado por uma banda que une a viola caipira de Cristiano Oliveira; a percussão de Cassicobra e a guitarra de Lucas Gaião com a contemporaneidade de uma poesia que carrega no corpo e na voz temas como amor, sexualidade e questões existenciais em tempos de inquietude e transição.

Em Abril de 2019, lançou seu primeiro single “Afoita Corrente” em todas as plataformas digitais e se encontra em processo de gravação do seu primeiro álbum, previsto para ser lançado em 2020.